Quarta, 20 de Janeiro de 2021 16:39
(49) 99173 6876
Segurança Pública Segurança Pública

Segurança Pública de Santa Catarina fecha 2020 com queda histórica nos índices de criminalidade

Os dados foram levantados pela Gerência de Estatística e Análise Criminal e são comparativos com o ano de 2019

06/01/2021 14h30
65
Por: Redacao Fonte: Assessoria de Comunicação
Os números mostram que as forças de segurança estão atingindo as metas na busca pelo combate à criminalidade (Foto: Arquivo/Assessoria de Comunicação)
Os números mostram que as forças de segurança estão atingindo as metas na busca pelo combate à criminalidade (Foto: Arquivo/Assessoria de Comunicação)

Em 2020, a Segurança Pública de Santa Catarina fechou o ano com queda em quase todos os índices de criminalidade, tais como: furto, roubo, mortes violentas, latrocínio, lesão corporal seguida de morte, homicídio e feminicídio. Os dados foram levantados pela Gerência de Estatística e Análise Criminal e são comparativos com o ano de 2019.

O número de homicídios registrado em 2020, 690, é o menor desde 2008, quando o Estado registrou 752. Além disso, mais da metade dos municípios catarinenses, 154, não registraram nenhum homicídio durante todo o ano.

O feminicídio e a violência doméstica, que por conta do isolamento social aumentou em todo o país, em Santa Catarina caiu 1.7%. O latrocínio também é outro crime que mostrou o melhor resultado em 12 anos. Caiu de 51 registros em 2008 para 19 em 2020. Em comparação com o ano anterior, a queda é de 32%.

O roubo e furto à instituição financeira também caiu expressivamente. Para se ter uma ideia, em 2014 o Estado chegou a registrar 548 roubos e furtos a banco, número que em 2020 fechou em 63.

Os números mostram que as forças de segurança estão atingindo as metas na busca pelo combate à criminalidade e que este novo modelo, com o Colegiado Superior de Segurança Pública, dando autonomia às instituições, está no caminho certo.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias